É hora de parar de 'consertar' (porque eles precisam de luta)